QUAL A DIFERENÇA ENTRE OS MÉTODOS DE ULAGEM E DE SONDAGEM?

QUAL A DIFERENÇA ENTRE OS MÉTODOS DE ULAGEM E DE SONDAGEM?

Medição dos níveis de tanques faz parte do cotidiano do setor de petróleo e gás, principalmente para os Vistoriadores garantirem as quantidades dos consumíveis, das cargas e da arqueação de embarcações e terminais.

 

O MÉTODO DE SONDAGEM

O método de sondagem informa a profundidade real do líquido no tanque.

Uma fita métrica de medição com um prumo é baixada do ponto de referência até o ponto em que o carretel toca o fundo do tanque. Deve-se tomar cuidado para abaixar devagar para que o prumo não alcance o fundo e depois se incline. Isso causará uma medição imprecisa. Além disso, se o prumo atingir o fundo do tanque com muita força, ele poderá danificar ou perfurar o tanque.

Quando a fita é recolhida, a profundidade do líquido no tanque é lida onde a fita está molhada (como uma vareta em um carro).
Às vezes, pastas podem ser usadas para ajudar a mostrar a marca em líquidos muito finos. O ponto zero de uma fita de medição na sondagem está na parte inferior do prumo.

O MÉTODO DE ULAGEM

O método de ulagem informará a medição da parte do tanque que NÃO é preenchida com líquido.
Como o nível exato do líquido é difícil de encontrar, o prumo graduado é abaixado lentamente a partir do ponto de referência, até entrar em contato com o líquido.

A leitura é feita do ponto marcado pelo líquido até o ponto de referência que é o topo do tanque. Isso lhe dará a porção total vazia do tanque. Conhecendo a profundidade total do tanque, você pode subtrair o espaço NÃO preenchido, da profundidade total do tanque para determinar a profundidade do líquido.

Esse método é muito útil ao medir líquidos cáusticos ou espessos, mas não é tão precisa quanto o método de sondagem para determinar o nível real de líquido no tanque.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *